Não é à toa que o mel é considerado um dos alimentos mais completos que existem na natureza. Além de possuir mais de 70 substâncias essenciais ao organismo, ele é o único alimento doce que também agrega naturalmente minerais como cálcio, cobre, ferro, magnésio, fósforo, potássio, diversas vitaminas, alguns tipos de aminoácidos e quantidades consideráveis de antioxidantes.

Entre suas diversas propriedades terapêuticas, o mel é um excelente bactericida, antisséptico, tonificante, vasodilatador e até mesmo digestivo, apesar de seu alto índice de açúcar.

Estudos mostram ainda que ele é um bom coadjuvante no tratamento de problemas pulmonares, da garganta, do coração e da visão. Também tem importante utilização na cosmética, principalmente na limpeza de pele e em tratamentos capilares.

Você pode usar o mel para adoçar leite, iogurte ou sucos ou consumi-lo junto com cereais, pães e frutas. Também pode ser ingerido na forma de favo, o que é menos usual.

Aproveitando que 21 de junho é o dia do mel, confira algumas curiosidades sobre as produtoras desse poderoso alimento:

1- Uma abelha é capaz de produzir no máximo 5 gramas de mel por ano.

2- Para produzir 1 quilo de mel, as abelhas precisam colher o néctar de pelo menos 5 milhões de flores.

3- Para produzir um 1 grama de cera, as abelhas devem consumir cerca de 6 a 7 gramas de mel.

4- Diariamente, uma abelha passa por cerca de 50 mil flores, em busca de néctar e pólen.

5- Existem aproximadamente 20 mil espécies diferentes de abelhas.