figo

Com baixo teor calórico, o quiabo é rico em vitaminas (principalmente A e do complexo B), além de minerais como cálcio, ferro, fósforo e cobre, que são importantes para a formação dos ossos, dentes e sangue.

Em razão de ser um fruto de fácil digestão, é considerado eficaz contra infecções dos intestinos, bexiga e rins. Também costuma ser indicado para pessoas com diabetes, já que ajuda a normalizar o nível de açúcar no sangue.

Pode ser consumido de diversas maneiras: frito, cozido ou refogado, em saladas ou preparações típicas das culinárias baiana (como o caruru) e mineira (acompanhado de frango ou carne moída).

Mas mesmo com tanta versatilidade no preparo e benefícios para a saúde, há quem relute um pouco em incorporar o quiabo no cardápio principalmente por causa de sua "baba". Se esse é o seu caso, uma das formas de se livrar dela é cortando as pontas do quiabo e deixando-o de molho no suco de um limão (ou em um pouco de vinagre) durante cerca de meia hora. Passado esse tempo, deixe o quiabo secar e prepare-o do jeito que preferir.